Terça-feira, Abril 16, 2024
InícioBebêDoença APLV: desvende esse mistério

Doença APLV: desvende esse mistério

Usamos a sigla “doença APLV” para Alergia à Proteína do Leite de Vaca. É uma doença comum em bebês e crianças pequenas que acontece quando o corpo do bebê reage as proteínas que são encontradas no leite de vaca. Ou seja, as pessoas que tem alergias alimentares o sistema imunológico identifica certos componentes alimentares como algo ruim para o corpo.

Algumas pessoas confundem doença APLV com intolerância a lactose por ter sintomas parecidos. Mas são doenças completamente diferentes levando em conta que a intolerância a lactose não envolve o sistema imunológico. Além de que a doença APLV desenvolve na maioria das vezes em bebês e a intolerância a lactose muito raramente acontece antes dos 5 anos de idade. 

Observe os sinais que o bebê der e caso os sintomas sejam de acordo com a doença APLV, procure imediatamente um médico. Dessa forma, não haverá dúvidas sobre o melhor tratamento. Bebês que mamam leite materno e diagnosticados com a doença podem seguir mamando. A mãe juntamente com a ajuda de um profissional terá uma dieta com restrições que ajude o bebê.

Imagem de Freepik: Doença APLV

Quais os principais sintomas da APLV?

-Digestivo: Vômitos, golfos frequentes, dificuldade para engolir, recusa alimentar, diarreia, saciedade ingerindo pouco alimento, intestino preso e outros (leia mais aqui sobre cólicas);

-Respiratório: Os sintomas respiratórios não estão ligados a infecção, são sintomas mais raros. Por exemplo: coriza, dificuldade na respiração, chiado no pulmão e obstrução nasal.

-Cutâneos: Dermatite atópica, urticária, lábios e/ou olhos inchados que é conhecido também como angioedema e coceiras na pele;

-Sintomas gerais: Baixo desenvolvimento, crescimento, ganho de peso, choque anafilático e até mesmo anafilaxia;

-Fissura perianal: Acontece quando o bebê tem muita diarreia decorrido da doença;

-Irritabilidade: A doença APLV causa dor na criança, assim ela fica mais sensível e consequentemente irritada;

-Fezes com sangue: É um sintoma tardio decorrente da doença;

Os sintomas por serem tão diversos e de diferentes níveis de gravidade, é importante sempre relatar ao pediatra. Lembre-se que esses sintomas nem sempre aparecerá todo de uma vez e que podem estar ligados a outros motivos. Por isso, é importante que a família consulte o médico especialista que poderá realizar exames e ajudar a criança. Quanto mais a família ter conhecimento sobre o assunto e procurar um especialista obterá mais resultados e até mesmo o diagnóstico precoce. 

Como diagnosticar APLV?

Caso haja alguém com histórico, é importante encerrar a proteína do leite o mais cedo possível. A forma mais eficácia de diagnosticar a doença é levar a criança até um médico alergista. O médico realizará exames de pele e sangue que encontrará o diagnóstico. Ainda não existe exames específicos para a doença APLV, em alguns casos a endoscopia é necessária para identificar inflamação no estômago ou intestino.

Tratamento e Prognóstico 

O tratamento consiste basicamente em cortar as proteínas do leite completamente da dieta da criança e em alguns casos da mãe também, caso o bebê ainda seja alimentado por leite materno. No tratamento é importante que tanto a família, cuidadores e escola estejam cientes da condição da criança e a importância da restrição.

Existe derivados do leite que a contém a proteína do leite de vaca que a criança não pode ter contato também. Alimentos como: Margarina, iogurte, queijo, ricota, bolos, creme de leite, molho branco, cream cheese, leite condensado e outros. O leite sendo a maior fonte de nutrientes e cálcio, necessita do acompanhamento de um nutricionista. O médico alergista pode ajudar aos poucos introduzir o leite de vaca e seus derivados na alimentação da criança. Em alguns casos a alergia pode durar a vida inteira, mas a maioria dos alérgicos superam a intolerância e conforme seu organismo desenvolve será introduzido aos poucos a proteína do leite de vaca. Monitorar a criança de tempos em tempos.

Tudo o que você precisa saber sobre seu bebê e sua maternidade.

RELATED ARTICLES

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Most Popular

Recent Comments

Poliana coimbra do Bonfim sobre Pico de crescimento